Notícia do Portal

16/06/2017 10:08 (239 acessos)

Aplicação da Provinha Brasil finaliza na rede estadual de ensino nesta sexta-feira, 16

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) está aplicando a Provinha Brasil para cerca de 5 mil alunos do 2º ano do ensino fundamental. O teste teve início na segunda-feira, 5 de junho, e se estenderá até esta sexta-feira, 16. Ao todo, 149 escolas da rede estadual estão participando do processo. Cada turma realiza as provas em dois dias, sendo que no primeiro é aplicado o teste de leitura e no segundo o teste de Matemática.

 

A aplicação está sob a Coordenação do Departamento de Educação, por meio do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Avaliação e Currículo (NEPAC), em parceria com as Diretorias Regionais de Educação de Sergipe. Para o acompanhamento das aplicações as escolas encaminharam as suas respectivas DREs um cronograma com as datas da aplicação.

 

De acordo com a coordenadora do Núcleo de Estudos, Pesquisas em Avaliação e Currículo (NEPAC), Joniely Cheyenne Moura Cruz, essa avaliação é um instrumento de diagnóstico para intervenções pedagógicas. "Serve de ferramenta tanto para o professor como para os gestores das escolas. Visa fazer uma sondagem do nível de alfabetização e letramento dos alunos ao chegarem no segundo ano de escolarização. Sendo assim, a Provinha Brasil dá um suporte para indicar quais as habilidades que os alunos possuem e as que não possuem, para que possam ser traçadas ações de intervenção pedagógica durante o processo", disse.

 

Colaboração com municípios

 

A Provinha Brasil é um instrumento do Ministério da Educação (MEC). Segundo Joniely Cruz, neste ano o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) não disponibilizou as provas para as redes de ensino. Por conta disso, a Secretaria de Estado da Educação assumiu a construção, elaboração e reprodução de todo o material.

 

Além disso, a Seed também disponibilizou para as redes municipais de Educação. "Nós trabalhamos com essa perspectiva de colaboração, neste sentido encaminhamos às redes municipais as matrizes dos testes, bem como os instrumentais de correção. Mas a reprodução e a logística de aplicação ficam a cargo de cada secretaria", explicou.

 

Diagnóstico

 

Com os resultados obtidos na Provinha Brasil, os professores e gestores devem refletir sobre a prática pedagógica desenvolvida na escola. O objetivo dessa reflexão é redefinir o planejamento de ensino e aprendizagem, modificando, especificando e aprimorando.

 

"Os profissionais das escolas precisam estar comprometidos com a análise coletiva dos resultados da avaliação, procurando investigar e compreender a natureza dos erros e acertos dos estudantes. Só assim a discussão desses resultados levará à tomada de decisões quanto ao trabalho a ser desenvolvido durante o ano letivo", afirmou Joniely.

 

Voltar à página anterior