Notícia do Portal

14/07/2017 15:13 (250 acessos)

Seed promove formação continuada para professores da Educação no Campo

Curso aborda o Novo Ensino Médio para os alunos do campo

 

Por Ítalo Marcos

 

A Secretaria de Estado da Educação, através do Núcleo de Educação do Campo (Necam) está realizando um curso de formação continuada para professores das escolas do campo, coordenadores, técnicos das Diretorias Regionais de Educação. O evento iniciou na manhã desta sexta-feira, 14, e se estenderá até o sábado, 15, no hotel Órion, em Aracaju.

 

A formação será dividida em três módulos com carga horária de 60 horas. Estão sendo abordadas temáticas sobre os desafios e possibilidades do ensino médio no campo. O objetivo principal é fazer o educador do campo repensar as suas práticas pedagógicas, respeitando a realidade das comunidades locais, a identidade e a cultura dos jovens no campo.

 

A abertura foi feita pela diretora do Departamento de Educação (DED), Gabriela Zelice, que destacou a necessidade de se promover cursos de formação. "A educação no campo é uma modalidade de educação básica que precisa ser observada com cuidado e esses educadores precisam estar em formação continuada. Por isso convidamos esses profissionais hoje para tratar do novo ensino médio", explicou.

 

A coordenadora do Núcleo de Educação no Campo (NECAM), Acácia Daniel, ressaltou que essa é a primeira formação dirigida ao ensino médio no campo. Ela disse que a base do conteúdo utilizada nas escolas é universalizada, e que por isso é preciso adequar à realidade dos que vivem no campo.

 

"A formação é para que os professores façam uma reflexão das suas práticas e vejam que é importante contextualizar os conteúdos que eles trabalham a partir da realidade em que os alunos vivem, para que compreendam o ambiente e comecem a ter um entendimento melhor dos assuntos que estão estudando e a escola torne-se mais prazerosa", declarou.

 

Formação

 

Cerca de 150 pessoas estão participando da formação, entre professores, coordenadores e técnicos das DREs. Durante a manhã, a coordenadora do Serviço de Ensino Médio, Gilvânia Guimarães, proferiu uma palestra sobre "Os desafios do Ensino Médio". "Esse é um momento oportuno para falar com os professores. A gente carece de uma escola viva, uma escola que não compartimentize o conhecimento", afirmou.

 

Pela tarde, houve mesa-redonda com o tema "Processo Histórico da Educação no Brasil", e a palestra "História da Educação no Brasil", proferida pela professora Tereza Cristina Cerqueira da Graça, da Universidade Federal de Sergipe.

 

Durante toda a tarde e todo o dia de sábado, 15, outras palestras, relatos de experiências e atividades interdisciplinares serão realizadas no curso de formação.

 

A rede estadual possui atualmente 54 unidades de ensino que ofertam a Educação no Campo, entre os anos iniciais, anos finais e ensino médio regular e EJA.

Voltar à página anterior