Notícia do Portal

12/03/2018 11:20 (375 acessos)

Aula inaugural do Centro Profissionalizante Berila Alves de Almeida dá boas-vindas aos novos cursistas de Agroindústria

Por Lívia Lessa

 

O Centro Estadual de Educação Profissional Berila Alves de Almeida, localizado em Nossa Senhora das Dores, unidade escolar circunscrita à Diretoria Regional de Educação 5 (DRE 5), promoveu na manhã desta segunda-feira, 12, a Aula Inaugural para os novos alunos do curso técnico em Agroindústria. Na ocasião, os 120 estudantes marcaram presença, juntamente com familiares e professores que facilitarão o curso.

 

O diretor da DRE 5, Ibernon Macena, afirmou que com a instalação da unidade escolar promoverá avanços significativos na região. "O Centro Educacional Berila Alves de Almeida, além de atender os alunos de Nossa Senhora das Dores, estão matriculados os estudantes de Cumbe, Capela e Siriri. É inegável que a escola oferecerá a todos um ensino profissionalizante de qualidade para que, dessa maneira, preparem os jovens sergipanos para encarar os desafios do mercado de trabalho", disse, ao explicar que as aulas são integradas ao ensino de nível médio, no qual o aluno cursa a última etapa da educação básica ao mesmo tempo em que aprende uma formação técnico-profissional.

 

O Centro Educacional Berila Alves de Almeida foi inaugurado recentemente, resultado de um investimento de quase R$ 12,5 milhões feito pelo Governo de Sergipe.

 

Segundo o diretor do Serviço de Educação Profissionalizante (Sepro), da Secretaria de Estado da Educação (Seed), Elito Hora, neste momento da Aula Inaugural são transmitidas informações sobre a carga horária, conteúdo programático, atividades pedagógicas e questões que envolvem os mercados local e regional.

 

"Nos últimos anos o Governo vem investindo cada vez mais na expansão do ensino médio profissionalizante, sobretudo no interior, assim facilitando a vida do estudante que encontra dificuldade ao se deslocar para a capital. Esta realidade visa oferecer aos sergipanos um ensino de qualidade e uma formação técnica profissionalizante.  É importante destacar que, cada Centro de Educação Profissionalizante (CEEP) foi planejado considerando os arranjos econômicos locais, mas o aluno recebe a formação para atuar em qualquer região do País", finalizou Elito Hora.

 

Voltar à página anterior