voltar
Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Governo e Energisa discutem parceria para inserir alunos da Rede Estadual no Programa de Aprendizagem da empresa

Por Lucas Silva
- 08/01/2019 13:37:00
339 acessos imprimir

Possibilitar a estudantes regularmente matriculados em escolas da rede estadual de ensino qualificação profissional e experiência corporativa para futuro ingresso no mercado de trabalho. Este é o objetivo da parceria institucional que o Governo de Sergipe, por intermédio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), formata com o Grupo Energisa, empresa privada que mantém em Sergipe a principal distribuidora de energia elétrica do estado.

Para alinhar essa parceria, o titular da Seduc, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, recebeu em audiência nesta terça-feira, 8, o analista de comunicação e a analista de recrutamento e seleção da Energisa/Sergipe, André Brito e Renildes Ribeiro, respectivamente. O encontro foi acompanhado pelo diretor de Recursos Humanos da pasta, professor Jorge Costa Cruz, e pela diretora de comunicação, jornalista Gleice Queiroz.

A proposta da Energisa é recrutar estudantes com bom desempenho escolar e idade entre 14 e 24 anos, matriculados em escolas estaduais instaladas em bairros carentes de Aracaju, para que estes possam participar do Programa de Aprendizagem da companhia, o qual consiste na oferta de um curso de qualificação profissional, no Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), e uma bolsa de estudos para que atuem no grupo como jovens aprendizes.

"É uma iniciativa louvável à qual vamos nos somar institucionalmente. Nesse primeiro momento, a empresa nos oferece 11 vagas para ingresso de alunos da nossa rede de ensino no Programa de Aprendizagem que mantém. A partir dessa reunião, encaminhamos a formalização dessa parceria, que pretendemos ampliar futuramente", destacou o secretário Josué Modesto.

De acordo com André Brito, o Programa objetiva preparar os jovens para inserção no mercado de trabalho e é feito em parceria com o Senai, que auxilia a Energisa na capacitação dos jovens. "Para o cumprimento do Programa de Aprendizagem, os jovens precisam disponibilizar oito horas diárias - 4h no curso de qualificação e outras 4h na Energia. Por este motivo, nosso público-alvo são alunos que estudam no período noturno", afirmou o representante da Energisa, ao explicar que essa iniciativa é uma forma de a empresa contribuir socialmente com a educação.

Zé da Luz na Escola

Nesta reunião de trabalho, Josué Modesto discutiu, também, com os analistas da Energisa estratégias para levar às escolas da rede estadual o Programa Zé da Luz, uma iniciativa da Energisa que visa educar crianças e jovens sobre os riscos de brincadeiras próximas à rede elétrica, como empinar pipa e jogar bola perto de subestações da empresa, além de orientar sobre os cuidados que devem ser tomados contra a dengue e os perigos do uso de drogas.         

Apoio ao Estudo

Com vistas, também, à inserção de alunos no mercado de trabalho, a Seduc e o Ministério Público do Estado de Sergipe - Programa de Apoio ao Estudo (PAE) - , conjuntamente, mantêm um cadastro de estudantes de ensino médio regularmente matriculados na Rede Estadual de Ensino, escolhidos em processo público de seleção, para atuação, como estagiários, em órgãos públicos e empresas privadas que aderiram ao PAE.