voltar

Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)



Biblioteca Epiphanio Dória promove treinamento para funcionários e estagiários na utilização do software Biblivre 5.0.5

Por Paula Toquinho
- 03/12/2020 11:07:00
594 acessos imprimir

 

A Biblioteca Pública Epiphanio Dória (BPED) está promovendo desde o início da semana o treinamento de pessoal para a utilização do software Biblivre 5.0.5. O programa de automação de bibliotecas tem por objetivo facilitar os serviços de empréstimos e catalogação do acervo. O Biblivre enfatiza as rotinas e sub-rotinas dos principais procedimentos realizados na BPED, tais como: a busca e recuperação da informação; a circulação, mediante o controle do acesso para consulta, a reserva, o empréstimo e a devolução de exemplares do acervo; a catalogação de material bibliográfico, de multimídias e objetos digitais, inclusive com controle de autoridades e de vocabulário, e a transferência de registros entre bases de dados;  além do controle do processo de aquisição de novos itens para o acervo.

 

A capacitação está sendo ministrada pelas bibliotecárias Melânia Lima e Joyce Dayse e o gerente de TI Edvan Santos. O público-alvo do curso são os funcionários e estagiários da BPED.

 

Segundo a diretora da BPED, Juciene Maria de Jesus, com o desenvolvimento muito rápido das tecnologias da informação e com a pandemia ficou clara a urgência em promover essa capacitação e consequentemente facilitar o acesso aos usuários. "As bibliotecas e os profissionais que gerenciam informação têm-se deparado com uma grande quantidade de informações para organizar. Afinal, não se pode mais pensar em biblioteca sem pensar na organização do acervo e consequentemente na facilidade de acesso ao usuário”, explicou.

 

Nesse contexto, a Biblioteca está buscando adequar a equipe às necessidades do usuário e à realidade da instituição, diante das tantas exigências dos usuários e as necessidades de recuperação da informação cada vez mais rápida e precisa. “Necessitamos de um software que auxilie no gerenciamento das atividades e vise ao controle, à seleção, à aquisição, ao processamento técnico e à circulação do acervo. Por isso estamos realizando essa formação", acrescentou Juciene de Jesus.